quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Anime-se 004: Avaliando o Anime Aldnoah Zero

Anime-se foi um post criado por Marcos " o gênio do mal" e Alimentado por Eduardo Cosso que tem a finalidade de Indicar bons animes e apresentar Animes ruins, de um forma simples e pratica, dando nota nos principais Quesitos de uma obra, toda nota é pessoal e como sempre a nossa opinião você pode Seguir o ignorar!



Tabela:


 Anime Steins;Gate


Aldnoah Zero - (Arudonoa Zero)


Gênero: Ação, Mecha e Guerra.


Diretor: Ei Aoki


Roteirista: Gen Urobuchi (Roteiro original)


Produtores: Aniplex, Houbunsha, Tokyo MX, Nippon BS Broadcasting, Asahi Broadcasting Corporation, MAGES, Nitroplus e Movic.


Quantidade de Eps: 12


Faixa Etária: 14


Anime Aldnoah Zero 2



Quesito  e Notas:


Originalidade do tema:  9


Abertura musica/video : 10


Primeira Impressão:  10


Apresentação dos personagens: 10


Desenvolvimento dos personagens: 9


Desenvolvimento da historia: 10


episódios files: 10


Novas ideias durante a serie: 9


Arte do anime: 10


Desfecho e Episodio Final: 10


Média:  9,7


Em Resumo com Média final 9,7 o Anime Aldnoah Zero e um ótimo anime


Mais um excelente trabalho do roteirista Gen Urobuchi, que consegue escrever vários animes com uma pegada bem inteligente. Ele nos brindou com o Kamen Rider Gaim, aonde vimos um excelente roteiro, cheio de reviravoltas e soluções não convencionais para uma série do gênero.


A mesma qualidade de escrita utilizada em Madoka Mágica, transforma esse anime, que tem uma temática bem parecida com as séries da franquia Gundam , em algo surpreendente para quem o assiste. Os acontecimentos não ficam demorando a acontecer, tornando o anime muito dinâmico, sem ficar enrolando.


A produção foi muito cuidadosa, as músicas, animação, character design, dubladores, tudo transforma a obra em um excelente entretenimento e como sempre, com um final muito impactante, que vai fazer quem assiste ficar muito chocado. Em 2015, vão lançar mais 12 episódios para concluir essa série que foi uma das melhores de 2014.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário